Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização de acordo com a nossa Política de cookies.

Paula Ribas 1969 - Fotografia ver mais
+
-
© RTP
+
-
+
-
+
-
O que sentiu?
  • 0 Contente
  • 0 Surpreso
  • 0 Tristeza
  • 0 Riso
Paula Ribas 1969 - Fotografia Positivo a cores feito para a Revista Nova Antena (1968/70) de Paula Ribas (1942-2023), cantora portuguesa.

Capa da revista Nº 52 de 2 de Outubro de 1969.

Som: Excerto do tema "Vê Lá Coração" interpretado por Paula Ribas, gravação de 1965.

Ilídia Dias Ribas iniciou a sua carreira na Emissora Nacional, atuando no programa "Ouvindo as Estrelas", em 1952.

Foi das primeiras cantoras a interpretar versões dos grandes sucessos internacionais, adaptados por António José Lampreia, tendo-lhe valido o nome "rainha do Twist".

Participou em peças no teatro de revista como "E Viva o Velho" (1966) e "Ri-te, Ri-te" (1969), de onde saíram os êxitos musicais, respetivamente, “Maria Lisboa”, de Eduardo Damas e Manuel Paião e “Quatro Estações”, do Maestro José Mesquita.

No cinema entrou no filme "Sarilho de Fraldas" (1967), de Constantino Esteves e foi protagonista, ao lado de António Calvário, no filme "O Amor Desceu de Paraquedas" (1968), de Constantino Esteves.

Na televisão participou em vários programas na RTP como o "Melodias de Sempre" e na TV Tupi São Paulo, no Brasil, no programa "Caravela da Saudade".

Atuou em Paris, Luxemburgo, Turquia, Israel, Brasil, Estados Unidos, Canadá e participou em festivais internacionais da canção, como o Festival Internacional de Benidorm, onde obtém o 1º prémio de interpretação e o Festival Internacional da Canção no Rio de Janeiro com a "Canção da Paz para Todos Nós", de Jorge Costa Pinto e Francisco Nicholson (1970), entre outros.

As fotografias e os periódicos fazem parte do fundo documental do Arquivo Histórico do Núcleo Museológico e Apoio ao SP (https://museu.rtp.pt/arquivo-dci9).

Também em 1969

  • 28 de Abril - Charles de Gaulle renuncia à presidência da França.
  • 16 de Janeiro - Golpe Militar de 1964: divulgada nova lista de 43 cassados, com 35 deputados, dentro eles Mário Covas, 2 senadores e do ministro do STF Peri Constant Bevilacqua (v. também Anos de chumbo)
  • 5 de Setembro - Junta Militar publica o AI-13, motivado pelo sequestro do embaixador norte-americano Charles Burke Elbrick, como reflexo da exigência dos seqüestradores (v. Anos de chumbo).